Multiétnico, multicultural, altamente desenvolvida e cheia de belezas naturais. Esta é a Malásia, país localizado no sudeste asiático, com porções do território entre o extremo da península de Malaca, o norte da ilha de Bornéu e uma centena de pequenas ilhotas.

Mais que isso, é um lugar de contrastes, um destino que mistura os modernos e luxuosos arranha-céus da capital, Kuala Lumpur, com os vilarejos de pescadores e natureza exuberante. É um destino que agrada tanto aos turistas que não dispensam uma boa aventura, quanto os que não abrem mão do conforto e do luxo.

Por estar próximo à linha do Equador, é um destino cujo clima não varia muito, com tempo quente e úmido o ano todo. Libere a imaginação e venha conhecer um pouquinho das principais atrações deste lugar maravilhoso com a Raidho:

A icônica capital

Comece por Kuala Lumpur. Alguns dos passeios imperdíveis são a Merdeka Square, no centro, onde foi hasteada a bandeira da Malásia. Dali, é possível apreciar a arquitetura de edifícios como a Sultan Abdul Samad.

Perto, está a KL City Gallery, um centro de informações que tem uma placa da cidade, e é um espaço ideal para tirar uma bela foto. Também próximo, fica o Central Market, centro comercial para comprar toda a sorte de lembranças de viagem e presentes, além da Chinatown, onde se pode adquirir produtos vindos da China.

Outro atrativo da cidade são o símbolo do país: as Petronas Towers. Com 88 andares e 452 metros de altura, são as torres gêmeas mais altas do mundo e marcam o horizonte tanto de dia quanto de noite, com sua iluminação.

Ali, há a skybridge, uma ponte que interliga as duas torres e oferece uma bela vista panorâmica da cidade. Nos andares inferiores, os edifícios abrigam o shopping Suria KLCC, com uma grande quantidade de lojas e um parque, o KLCC Park onde é possível se refrescar nas piscinas e, à noite, observar o espetáculo de luzes na fonte situada em frente.

Outras atrações que não podem ficar de fora do roteiro são as Batu Caves, cavernas que abrigam templos hindus. Para complementar o passeio pelos templos religiosos da cidade, inclua uma visita à Mesquita Nacional e ao lindíssimo e bem decorado templo Thean Hou.

Ilha de Penang

 Malásia: um tesouro da Ásia

George Town

Outro destino muito visitado é a ilha de Penang e George Town, por onde se pode chegar de avião. George Town tem muitos edifícios coloniais e seu centro histórico é tombado como Patrimônio Mundial pela Unesco.

Ali, não deixe de visitar o Penang Street Art, a Fazenda de Borboletas, o Jardim Botânico, o Fort Cornwallis, onde o Capitão Francis Light desembarcou pela primeira vez na ilha; o Museu do Estado; Little Índia; China Town e a 4ª maior estátua do Buda Reclinado do mundo, em Wat Chayamangkalaram.

Também não perca a oportunidade conhecer a Mesquita Kapitan Keling, a Catedral da Assunção, o Sri Mahamariamman Temple e o Kek Lok Si Temple.

Ilha Langkawi

 Malásia: um tesouro da Ásia

Ilha Langkawi

 

Distante três horas de barco de Penang, o arquipélago é formado por 99 ilhas localizadas ao norte do país, quase na fronteira com a Tailândia. Reza a lenda que o local foi refúgio de piratas. Seu nome deriva da combinação da palavra malaia para águia, helang; e da palavra em sânscrito para mármore, kawi; recursos naturais abundantes do local, cujo símbolo é uma águia.

Neste paraíso rico em águas transparentes e areia branca, é possível avistar montanhas de calcário, florestas e algumas das melhores regiões para observação de aves. Em 2007, Langkawi foi considerado Geoparque Mundial pela UNESCO, um estatuto dado a regiões de herança geológica significativa e turismo sustentável.

A maior das ilhas é a Pulau Langkawi, cheia de arrozais e colinas selvagens. A costa é bastante agradável, cheia de coqueiros e areia fina.

As praias mais populares são:

  • Pantai Cenang, uma das praias mais concorridas. Possui uma beleza ímpar com inúmeros caminhos de areia fina e branca. Têm vários restaurantes e bares com entretenimento à noite. 
     Malásia: um tesouro da Ásia

    Pantai Cenang

  • Pantai Tengah é uma praia cheia de hotéis e poucos bares e é bem menos movimentada à noite.
  • Burau Bay é cheia de afloramentos rochosos e é o lugar preferido das aves migratórias em Langkawi.
  • Pantai Kok é uma praia tranquila e tem como pano de fundo as colinas de calcário.
  • Datai Bay é uma combinação de florestas e de mar. Possui uma praia reservada aos hóspedes dos resorts The Datai e The Andaman. As margens são claras e bastante convidativas. 
     Malásia: um tesouro da Ásia

    Datai Bay

Visitantes brasileiros não necessitam de visto, e por ser uma viagem mais longa, que tal combiná-la com uma visita a outros destinos que a Raidho oferece, como por exemplo Cingapura e/ou Tailândia, dois países bastante próximos à Malásia, e que presenteiam os turistas com toda a exuberância maravilhosa e característica do sudeste asiático.


Lucila Nedelciu
Em busca de realizar um sonho, Lucila se tornou empresária aos 28 anos quando fundou a Raidho Viagens em 1990, uma operadora especializada em turismo para lugares exóticos e roteiros de experiência. Formada em Letras e pós-graduada em Marketing, já viajou para mais de 70 países, sendo 15 visitas à Índia, destino pelo qual é apaixonada e considerada uma autoridade. Devido a isso, é perita em roteiros incomuns para conhecer culturas e filosofias milenares e os costumes de cada povo, visando o enriquecimento interior junto às belezas dos locais.
Inovadora e conhecida por lançar tendências no mercado, oferece junto à Raidho, excelência na qualidade de serviços e tem orgulho em ter conquistado o prêmio de melhor Operadora da América Latina em viagens para a Índia, pelo governo, por três anos consecutivos.